Robert Enke

enke

Foi um dos nossos. O que leva alguém a suicidar-se com 32 anos? Enfim...

E se o Pl@ka falou...tá falado!

3 Comentários:

João Silva disse...

Acho que as pessoas são pessoas e que cada um sabe de si.

Agora, espero nunca estar numa situação em que contemple pôr termo à vida.

Nuno M. S. Aleixo disse...

Meu caro, não critiquei ( como se fosse aceitável estar a criticar uma coisa destas)a atitude dele. Apenas deixei a pergunta no ar, porque nem imagino o que se passará dentro da cabeça de alguém que chega ao ponto de tomar uma atitude destas. Enfim, por vezes olhamos para estes homens, "com tudo" para serem pessoas realizadas e depois...

Estas tretas chocam e colocam tudo em perspectiva.

Esperemos nunca chegar a uma situação destas.

Dylan disse...

Robert Enke veio para o Benfica para substituir o extraordinário Michel Preud'homme e não defraudou as expectativas. Pelo seu talento e qualidade foi chamado à selecção alemã, lugar por onde passaram grandes lendas como Harald Schumacher. Terá vivido os dias mais felizes em Lisboa, longe de imaginar a tragédia que iria irremediavelmente afectar a sua vida e da família. Apesar da sua juventude, a adaptação a um novo país e a falta da conquista de títulos desportivos, nunca foi impedimento para dar todo o seu empenho e profissionalismo dentro do campo. Fora dele, era o expoente máximo de bondade, pois dividia-se entre projectos de solidariedade e o amor aos animais, sem esquecer as preocupações com o meio ambiente. Guardarei na memória a chegada à Portela de um Homem com cara de menino, à procura da glória num clube enorme, tão grande como o seu coração.

http://dylans.blogs.sapo.pt/

top