"Se nos derem tempo..."

Cardozo

Um Benfica "bonzinho", assim tipo suficiente mais, bastou para ganhar a um Sporting que continua mau demais. Talvez pior que o Sporting de Carvalhal, o que nunca pensei ser possível.

Cardozo marcou mais dois golos e os que assobiaram na quarta-feira, hoje devem ter batido palminhas de tão contentes.

Faço minhas as palavras de Jesus: "Se nos derem tempo... Ainda há muito frango para virar!".

Por falar em frangos... Não, ainda não é hoje que falarei do Roberto, mas "cheira-me" que já anda por aí muito boa gente a engolir uns sapos.

P.S. A arbitragem foi horrível. Simplesmente incompetente. Valeu que não influenciou o resultado.

5 Comentários:

João Silva disse...

Benfica sem acelerar papou um Sporting deprimente. Agora venha um deslize do FCP para animar a festa.

O Roberto não é horrível, mas não é o Iker Casillas ou o Michel Preud'home (esses sim valiam até mais de 8,5 milhões de Euros e justificavam uma titularidade compulsiva).
Sempre que estiver na baliza do Benfica terá o meu apoio como benfiquista, igual que qualquer outro jogador. Para isso não preciso de gostar do gajo.

Ps: O Maniche está a precisar ir ao psiquiatra, ou pelo menos a um adestrador de raças caninas perigosas. Foi-se o Bruno Alves, mas regressou outro "artista" à liga portuguesa. Quanto mais as coisas mudam, mais elas ficam na mesma. Triste fado português.

Ps2: a novela Madail & Mourinho foi um espectáculo triste com duas figuras públicas que não souberam dar-se ao respeito. Do bactéria Madail já nada me surpreende, mas o Mourinho já devia ter mais juízo e perceber que os treinadores de clubes não têm de buscar algo com que se entreter durante as interrupções dos campeonatos por motivo de jogos das selecções nacionais.

Dylan disse...

Calma Nuno, também não vamos passar o Roberto de besta a bestial. Neste jogo, embora estando bem, teve pouco trabalho.

Nuno M. S. Aleixo disse...

Amigo João, comparar Roberto com Michel Preud'home, que é "só" um dos 5 melhores guarda-redes de sempre, é quase indecente. Injusto é, certamente, porque comparamos um jovem de 24 com potencial com um monstro das balizas. Já comparar Roberto com o Casillas não é tão descabido. Vejamos, são ambos espanhóis e ambos com namoradas guapas! E ambos têm uma relação curiosa com a imprensa. O Casillas sempre teve boa imprensa, já Roberto desde que chegou a Portugal foi humilhado pela imprensa. Muitos pontos em comum.
Exemplo: Casillas, no último jogo do Real, frente à Real Sociedade, sofre um golo resultante de um livre lateral, a bola sobrevoa toda a área e vai cair no lado contrário, dentro da pequena área, repito, dentro da pequena área onda aparece Tamudo a empurrar com o joelho para dentro da baliza. Fosse o Roberto a sofrer um golo desses seria um frango, como foi Casillas foi um golo normal, no máximo considera-se que o poderia ter feito mais alguma coisa.

E é contra a perseguição a um jovem de 24 anos, chegado a Portugal, para jogar no Benfica (a camisola pesa) e que 2 ou 3 frangos depois foi completamente arrasado pela imprensa, chegando a humilhar não só o jogador como a pessoa e até alguns benfiquistas se juntaram à inquisição que teria queimado Roberto não fosse ele contar com Jesus!

Desde o primeiro momento, e és testemunha disso, sempre disse que ele era bom guarda redes. No final da época cá estaremos para ver quem tem razão. Quanto ao apoio, bem... Eu sempre apoiei Quim, guarda-redes que sempre considerei no máximo... razoável.

Abraço!

Nuno M. S. Aleixo disse...

Grande Dylan, amigo benfiquista, eu não vou cair no mesmo erro dos que "crucificaram" e humilharam Roberto. Nunca o considerei besta (até porque já o conhecia e até desejei que o Benfica o contratasse, ainda ninguém sabia quem ele era e que seria um alvo do Benfica para reforçar o plantel) e agora não o vou considerar bestial.

Gostava era de ver muitos, desde jornalistas, pretensos jornalistas, comentadores, "paineleiros" de tv e muitos benfiquistas dizer pelo menos isto: "Eh pá, o rapaz não é assim tão mau como parecia."

Nos últimos dois jogos, boas exibições e clean sheet, o que se diz de Roberto? Nada... Parece que não esteve nos jogos do Benfica. Justo? Muito pouco...

É só isto.

Grande abraço benfiquista!

João Silva disse...

Amigo Nuno,

Entendo os teus argumentos e espero que entendas os meus:

1) Penso que só deveríamos ir buscar lá fora o que não encontramos em Portugal. De certeza que há jovens promissores guarda-redes portugueses que podem servir muito bem o Benfica. Contratar estrangeiros para mim, como evidenciam os exemplos indicados, deve ser excepção (pela mais-valia óbvia face à alternativas nacionais) e não, como infelizmente parece ser recorrente no Benfica, por regra.
Podemos arriscar com um "desconhecido" espanhol, ou argentino, ou brasileiro, mas temos muitos problemas em arriscar com um português "desconhecido".
Não há prospecção no Benfica?

2) No futebol não é tudo previsível. Todas as épocas há
contratações falhadas por variadas razões, muitas vezes desconhecidas/incompreensíveis para os adeptos. Lamento muito o desperdício do Makukula no Benfica e de outros tantos. Se o Roberto for embora no fim da época, espero que possa seguir a sua carreira/vida noutro clube, se continuar no Benfica espero que seja para o benefício do Benfica.

3) Há jogadores que nos caem no goto e outros que não nos dizem nada.

Sempre sem excessos (jornalísticos e outros), algo que por definição é mau, opiniões entre benfiquistas valem o que valem e todos apoiamos à nossa maneira o Benfica.

Um Abraço

top