O ano passado por esta altura éramos os maiores. Jesus era o melhor e tínhamos um plantel recheado de estrelas que muitos diziam nunca terem imaginado ver jogar com a camisola do Benfica.

Este ano a depressão é enorme, outros fizeram época quase perfeita. Por mérito próprio e demérito do Benfica. Dos outros factores, sem lhes retirar a enorme importância na época conseguida pelo FCP, não irei falar. Não é nesta altura que se fala destas coisas...

O que eu gostava é que os benfiquistas conseguissem, sem colocar a paixão de adepto de lado, analisar os acontecimentos com um pingo de bom senso e aceitar os momentos maus como homenzinhos! E não vivessem estes dolorosos momentos, que o são, disparando indiscriminadamente, afiando facas e desancando tudo e todos desde a direcção, passando por treinador e jogadores e acabando no adepto que é pior do que eles porque não vai à bola ou gosta do LFV e por isso é adepto do “Benfiquinha” e eles são mais benfiquistas e exigentes para caraças e não mereciam que a equipa os desrespeitasse de maneira a não sofrerem estes desgostos.

Eles dizem que o Benfica “acabou” e que está “morto”. Alguém informe os adeptos da Juventus, do Inter, do Liverpool, do Bayern e de mais umas dezenas de clubes grandes na Europa que não irão ganhar um mísero caneco esta época, que são adeptos de clubes “mortos” ou a definhar.

Será que ser adepto de um clube é necessariamente sinónimo de insanidade mental? Será consequência de ser adepto tornar pessoas com alguma capacidade uns autênticos asnos a debitar alarvidades no Facebook, Twitter ou num qualquer blogue por essa internet fora?

Eu também posso dizer algo parecido e igualmente gratuito e obtuso, algo que tenho quase certo ser a mais pura das realidades, querem ver? Aqui vai:

- Eu aposto o meu colhão esquerdo – gosto mais do direito. É uma coisa minha… – que grande parte destes verdadeiros benfiquistas, os exigentes, conhecedores da história deste glorioso clube e descendentes da herança de Cosme Damião não se importavam um pentelho, um pentelhinho, em ter um presidente com vídeos no Youtube, escutas publicadas a provar corrupção, a certeza de que as últimas três décadas futebolísticas foram dominadas à custa de "fruta e café com leite" se isso significasse ganhar os títulos que o FCP ganhou nestes últimos anos. E era vê-los esfregar as mãos de contentes e mandarem às malvas a herança de Cosme Damião.

Agora, adivinhando o continuar do forrobodó na pré-época e o festim que vai acontecer nos jornais e internet, vou escrever o menos possível sobre futebol e em especial sobre o Benfica. No início da próxima época voltarei.

3 Comentários:

Anónimo disse...

O titulo é fixe, mas há aí algures um erro de análise, relativamente à malta como eu, que não gostou, nem gosta, do benfiquinha. É que nós, os tais herdeiros do Cosme Damião, queremos ganhar sempre, mas sem batota. Cá nós, quando perdemos bem, respeitamos o adversário e damos-lhe os parabéns. Mas se ele faz batota, ainda jogamos com mais vontade de lhe ganhar e não perdemos. E , se por acaso perdermos,não lhes damos os parabéns por terem ganho com ajuda da fruta e dos chás ao intervalo.

E nós não convidamos para a tribuna de honra aqueles que maltratam o Benfica, nem fazemos negócio com eles. Somos assim, uns benfiquistas que gostam do Benfica mesmo a sério. Para nós todos os jogos contam, são todos para ganhar, não poupamos jogadores para perder. E ao contrário do que pensa, gostamos de todos os benfiquistas e respeitamo-los. Mas não gostamos que se acomodem na derrota, que enterrem a cabeça na areia e não vejam que se perdeu e está a perder algo mais importante que campeonatos e taças...

Pode cortar o colhão esquerdo e deitá-lo na sanita.

Nuno M. S. Aleixo disse...

Meu caro, embora não seja meu costume responder a anónimos (também não paro para falar com gajos encapuçados na rua, percebe? É mais uma mania minha...)gostei muito do seu comentário, embora aquilo espremido tenha muito pouco sumo.

Ainda assim: nestas alturas assola-me sempre uma dúvida: O ano passado tendo o Benfica a mesma direcção, o mesmo treinador e grande parte dos jogadores que realizaram esta tão má época do chamado por si "Benfiquinha", enquanto andava aos pulinhos no Marquês a festejar pensou ou gritou ao LFV e aos Jesus ou mesmo aos jogadores algumas dessas dúvidas? E isso que diz se estar a perder é tão grave que aconteceu numa época e menos de um ano civil? Seja lá o que diz se estar a perder...

Enfim, é um comentário bonito e tal, mas continuo cá com o meu colhão e sabe porquê? Porque desconfio que quando o Benfica ganha essas suas questões tão prementes desaparecem e até as compreendia se o Benfica tivesse assim tipo há 7 anos sem ganhar o campeonato. Espere... o Ajax esteve 7 anos sem ganhar, vendeu o seu melhor jogador em Dezembro, mudou de treinador duas vezes e os adeptos do grande Ajax, fartos do "Ajaxinho" não gostaram e malharam na Direcção e esta demitiu-se e convocou eleições para o fim da Liga, mantendo-se em funções. Ganharam a Liga. Se calhar a Direcção demissionária vai ganhar as eleições. Curioso, não é? As vitórias apagam tanta coisa. E quando ganhamos as coisas correm todas bem, não é? Quando correm mal...

A minha avó que era uma senhora esperta disse-me uma vez: Dá uma festa e os conhecidos aparecem todos. Fica doente e no hospital só te visitarão os amigos...

Abraço.

MadDog disse...

A ver vamos... cada época é uma nova etapa... desta não fomos felizes.. uma vez porque não houve gente dentro do campo a transpirar a camisola ou outros que tal que tinham chumbo nos´pés, outra porque alguém resolveu ser teimoso do 1º ao último jogo e outras vezes porque factores da 2ª equipa levaram a tal... Parece mentira o que vou dizer, mas a culpa nem sempre é da 3ª equipa... muitas vezes se a bola entresse não havia erros de arbitragem que diminuissem o ritmo... Agora uma coisa é certa: se a outra equipa estrangeira de 2ª Liga que ganhou os canecos jogasse limpo, eu até era capaz de lhes dar os parabéns, mesmo ficando mal na foto. Assim como estão, de maneira nenhuma e ninguém me convence que um dia ainda vamos ver a realização do velho ditado: "a verdade é como o azeite misturado com água... mais tarde ou mais cedo, vem sempre ao cimo"....

top